(16) 99146 2606  | contato@sanchezcob.com.br

Dr. Rubens Zampieri, responde

A avaliação que cada corporação, pequena ou grande, deve fazer, ao colocar a gestão de recebíveis no centro da mesa de discussões. Temos o know how para o efetivo tratamento dos recebíveis? Temos ferramentas que permitam a gestão preventiva, de toda a base, mas com as adequações que as especialidades pedem? Temos expertise para diagnosticar o comportamento da carteira, analisar os indicadores operacionais afetos a esta atividade, e um plano estruturado para combater com velocidade e eficiência a inadimplência muitas vezes inevitável? Se a resposta a estas colocações for negativa, então é hora de procurar um especialista. Seja para estruturar melhor um departamento próprio para esta atividade, seja para terceirizar esta atividade, e manter o foco no core business da empresa. Mas não se deve esperar a dor para agir, pois quanto mais eficiente for a atuação neste crucial ponto da complexa estrutura empresarial, mais fôlego ela terá para enfrentar as dificuldades, ou mais segurança para explorar todo seu apetite para crescer em meio aos bons ventos.
_
Quer saber mais? Envie a sua pergunta!